Portal do Governo do Estado do Piauí
Sábado, 19 de abril de 2014.

21/08/2012 16:30

Seduc vai abrir 880 vagas para cursos técnicos de nível médio

Secretaria de Educação vai ofertar 880 vagas de cursos técnicos que serão ministrados nas escolas públicas.

Isabel Cardoso

Os alunos de escolas públicas estaduais terão a oportunidade de fazer cursos técnicos oferecidos pela Secretaria Estadual de Educação (Seduc) em Administração, Segurança do Trabalho e Informática. Ao todo, serão oferecidas 880 vagas e as aulas devem iniciar no dia 9 de outubro.

Segundo a professora Lídia Nunes Paiva Dias, coordenadora geral do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec/Bolsa Formação), as escolas também receberão cursos técnicos em Segurança do Trabalho,Técnico em Redes de Computadores,Técnico em Enfermagem,Técnico em Estética,Técnico em Podologia,Técnico em Logística,Técnico em Secretariado,Técnico em Produção de Moda, realizados pelo Senac. Ao todo, serão oferecidos pelo Senac um total  de 743 vagas.

As escolas devem ter salas de aulas disponíveis para funcionamento do Programa e laboratório de informática para atender 40 alunos. “Já fizemos diagnóstico e encaminhamentos para as providencias a fim de atender tais requisitos”, diz a professora.

Lídia Nunes declara que o objetivo do programa é fortalecer o Ensino Médio por intermédio da oferta de cursos de Educação Profissional e Tecnológica, promover a qualificação profissional voltada para a elevação da escolaridade e para a inserção no mundo do trabalho, dentre outros. “A meta para próximo ano da SEDUC é ampliar a oferta para o ano de 2013, chegando a 1480 vagas e para o ano de 2014, o planejamento é para 2640 vagas”, diz. Para isso, está sendo feito um diagnóstico para avaliar a demanda de cada região para que os cursos ofertados nas cidades possa atender a vocação e os arranjos produtivos da região.

A professora diz que os cursos qualificam e preparam mão de obra para o mercado de trabalho.  “A intenção é criar um banco de ofertas para encaminhá-los ao mercado de trabalho, contactando empresas desde a aula  inaugural a se fazerem presentes para conhecerem o Programa, mantendo-os como parceiros .É um desejo da Equipe que está trabalhando para concretização desse sonho”, informa.

Ao concluir o curso técnico de nível médio, os alunos estarão aptos para o mercado. A carga horária contempla  todos os conteúdos básicos. Para o curso de Técnico em Informática, o aluno assistirá a 1170 horas; em Administração, o aluno terá 1050 horas; e o técnico  em Segurança do Trabalho são 1.500 horas.

A coordenadora  cita cursos técnicos ministradas em escolas públicas estaduais que são referências, como é o caso da instituição Colégio Agrícola de Bom Jesus, que é sucesso e o diferencial encontra-se na organização da instituição Colégio Agrícola de Bom Jesus , alinhamento das ações com a Seduc (fortalecimento parceria) e monitoramento das ações.