Portal do Governo do Estado do Piauí
Segunda, 24 de novembro de 2014.

14/11/2011 09:17

Piauí é modelo para o Plano de Ação para Pessoa com Deficiência

Plano Nacional de Ação para Pessoa com Deficiência será lançado no dia 17 de novembro, em Brasília, pela presidente Dilma Rousseff

Ubiracy Sabóia

As políticas públicas desenvolvidas para pessoa com deficiência no Piauí serviram de modelo para a elaboração do Plano Nacional de Ação para Pessoa com Deficiência, que será lançado pela presidente Dilma Rousseff, no dia 17 de novembro, em Brasília.

A Secretaria de Inclusão da Pessoa com Deficiência participa do lançamento do plano, que vai utilizar a experiência do Piauí na área de reabilitação, como o modelo para todo o país. A  iniciativa envolve 12 ministérios e aplicará recursos de R$ 9 bilhões. De acordo com o secretário Helder Jacobina, o modelo do Centro Integrado de Reabilitação será a base das clínicas de reabilitação a serem implantadas em todo o Brasil.

“É gratificante vendo a nossa experiência sendo reconhecida, e servindo de modelo de atendimento para pessoa com deficiência”, frisou.

O Piauí avançou na aplicação de políticas públicas voltadas para as pessoas com deficiência. Com várias ações especificas,  dentre elas estão os  Fóruns Regionais de Políticas Públicas  realizados este ano em  seis territórios do estado, capacitando mais de 12 mil pessoas  e realizando a entrega de quase 3 mil próteses, órteses e cadeiras de roda, além da entrega de  mais mil  carteiras do passe livre intermunicipal.

Para 2012  será realizada Conferência Estadual da Pessoa com Deficiência, onde serão mais políticas públicas para o setor. “Na verdade, este evento no estado é o primeiro passo para a Conferência Nacional que vai discutir as diretrizes para a pessoa com deficiência, que devem ser adotadas pelo Governo Federal”, pontuou Jacobina.